Colunistas

Qual o verdadeiro significado daquilo que você deseja?

Jéssica Horácio de Souza

Psicóloga Jéssica Horácio – CRP 12/14394

Esta pergunta se traduz na reflexão do para que eu quero aquilo que quero, ou seja, qual a finalidade da satisfação do meu desejo. Sem uma análise acerca daquilo que desejamos corremos tanto o risco de vivermos na superficialidade de quem somos quanto o risco de vivermos em constante frustração e insatisfação, e o pior, sem identificarmos o porquê.

Se eu não sei se o que estou almejando é um emprego com o qual me identifico ou a possibilidade de me fazer ouvida, posso apostar minhas expectativas na profissão de juíza por exemplo, e me frustrar imensamente ao me deparar com todas as implicações que a profissão traz bem como com o fato de não conseguir ser ouvida dentro da minha própria família uma vez que lá eu não posso exercer a minha profissão.

Contape
Net Lider
Dengo Produtos de Limpeza
Maderonchi
Posto Bravo

Então geralmente me questiono se aquele casamento com o qual o paciente vem sonhando é realmente por aquilo que um casamento realmente traz consigo ou se é uma tentativa de se sentir mais seguro em uma relação permeada por ciúmes, infidelidade e insegurança, por exemplo.

O ganho secundário costuma ser uma aposta às cegas uma vez que ele é variável e não uma certeza. Veja bem, se você trabalhar como juíza você sabe que será ouvida durante as audiências, mas isto não te dá a garantia de que você será igualmente ouvida e respeitada pela sua mãe que não aprendeu a respeitar a sua voz. Construir um casamento te trará a certeza de que legalmente você e sua cônjuge possuem responsabilidades legais, mas isto não tem uma relação direta com o comprometimento e com a fidelidade que ela terá para com o relacionamento.

A capacidade de fazer escolhas com consciência é desenvolvida através do estabelecimento de uma relação muito íntima com quem se é, e por ser fruto do autoconhecimento esta capacidade nos aproxima da satisfação dos nossos verdadeiros anseios. Se eu identifico que desejo ser ouvida por minha mãe, posso fazer tentativas de expor a ela o meu sofrimento, e se não houver um resultado que me favoreça, poderei desistir de ganhar a atenção dela e colocar as minhas energias naquelas relações que realmente estão disponíveis para me ouvir.

Não é diferente do desejo de ser respeitada em uma relação conjugal, uma vez que esta necessidade se faz presente e é identificada como fundamental, não é necessário estabelecer um casamento, mas sim, construir uma comunicação transparente que revele as minhas prioridades e que dê ao outro o direito de escolher se pode ou não se comprometer na construção de uma relação saudável comigo.

Investir no processo de autoconhecimento nos revela escolhas que fizemos e o porquê de não terem satisfeito nossos anseios, e isto nos dá autonomia para buscarmos novos meios de obtermos o que verdadeiramente precisamos, desta vez sem autoengano.

A psicoterapia é o meio para construir esta relação alinhada consigo.

Procure profissionais que possam lhe ajudar neste processo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Marka final pauta
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo