Esportes

Seleções masculinas e femininas de Judô são definidas em torneio na Bahia

Redação Forquilhinha Notícias

Na quarta-feira, dia 12/12, foram realizadas em Lauro de Freitas, na Bahia, disputas para a definição da Seleção Olímpica Brasileira masculina de Judô para 2019. Haviam 8 vagas abertas para a seleção masculina, que foram preenchidas. Para quem tem sede de vitória como os lutadores selecionados, o Betmotion promoções é a melhor solução.

Esta seletiva foi a última do ciclo para as Olimpíadas de Tóquio, que acontecerão em 2020. A competição disponibilizou um total de 16 vagas, sendo 8 para a seleção masculina e 8 para a feminina.

A seletiva masculina apurou, em sua fase inicial, os quatro melhores lutadores de suas determinadas categorias. Em sua segunda fase, houve um rodizio entre os mesmos, de forma que todos enfrentaram os outros 3 lutadores para definir o campeão do torneio.

Spilere Serralheria
Anunciar 2017 – 200px
Da Soler Selo
Coopera
Maderonchi
ES Academia

 

Felipe Kitadai é considerado o lutador de maior destaque da seleção masculina atual, pertencendo à categoria de até 60kg. O judoca foi medalhista de bronze nas Olimpíadas de Londres, em 2012, porém havia passado por uma cirurgia no ombro esquerdo em fevereiro de 2017, o que afetou seu treinamento e criou incerteza sobre sua classificação para a seleção.

“Eu já tinha conversado com meus pais, com meus técnicos que, independentemente do que acontecesse na seletiva, meu sonho olímpico não ia parar, não ia morrer. Hoje, com a confirmação da vaga ficou tudo mais fácil” conta o atleta.

Foram também selecionados para as vagas masculinas: Marcelo Contini (73kg),

Eduardo Katsuhiro (73kg), Edu Lowgan Ramos (81kg), Giovanni Ferreira (90kg), Leonardo Gonçalves (100kg), Michael Marcelino (66kg), Ruan Isquierdo (+100kg).

Na quinta-feira do dia 13/12, apenas um dia após a seleção masculina, foi também realizado o campeonato de judô feminino para definir a Seleção Olímpica que irá para Tóquio em 2020.

Dentre as atletas selecionadas para a Seleção Olímpica Feminina, duas se destacam por já serem conhecidas pelos fãs. Ketleyn, da categoria de até 63kg, foi a primeira atleta brasileira a subir em um pódio em esportes individuais nas Olimpíadas, tendo o feito nas Olimpíadas de Pequim em 2008. Sarah Menezes, judoca da categoria de até 48kg, foi a primeira brasileira a ser campeã olímpica em esportes individuais, tendo o feito nas Olimpíadas de Londres em 2012.

A competição serviu como seletiva para determinar quais as atletas que iriam se juntar às 14 demais judocas, que participarão da Seleção Olímpica e que já haviam sido escolhidas por critérios diversos. Estas 14 foram selecionadas por serem líderes do ranking nacional atualmente ou mesmo por alcançarem critérios da Confederação Brasileira de Judô, que se baseiam no circuito e ranking internacional.

Além de Ketley e Sarah, foram também selecionadas: Gilmara Prudêncio (57kg), Nathália Brígida (48kg), Amanda de Oliveira (70kg), Larissa Pimenta (52kg), Camila Ponce (78kg) e Sibilla Faccholli (+78kg).

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Dengo Produtos de Limpeza
Spilere Serralheria G
Anuncie FN 2017
Marka final pauta
Coopera Rodapé
Topo