Economia

O que fazer para controlar os gastos com energia elétrica durante a quarentena?

Por conta da quarentena estabelecida devido à pandemia do coronavírus, as pessoas estão ficando mais dentro de casa e, consequentemente, utilizando mais a energia elétrica através do uso dos eletrodomésticos do domicílio. Nesse sentido, é possível perceber que as contas podem aumentar nos próximos meses.

Vale ressaltar que ​mudanças de hábito são os fatores ​mais significativos para combater esse cenário. Isso porque, o que vai causar o aumento é justamente a mudança de rotina, o hábito de ficar mais em casa.

O engenheiro eletricista da Coopera, Mateus Rabelo, explica que a manutenção do consumo dependerá dos hábitos diários do consumidor. “Por exemplo, os equipamentos eletrônicos em geral tem baixo consumo, porém, lavar as roupas com mais frequência, utilizar fornos elétricos, sanduicheiras, e outros aparelhos de aquecimento ou refrigeração, fará com que o consumo aumente proporcionalmente ao uso”, lembra.

Dengo Produtos de Limpeza
Spilere Serralheria
Maderonchi
Thiago Auto Lavação
Contape
Colinas Chocolatteria

Para evitar desperdício de energia durante a quarentena, ele sugere procurar manter a frequência normal de tarefas domésticas e de utilização de equipamentos elétricos e eletrônicos, controlando assim o consumo dos equipamentos. “Quanto mais frequente o uso, maior será o valor final da fatura de energia elétrica”, alerta.

Com os filhos em casa e as aulas online o uso de equipamentos eletrônicos como notebook, tabletes e celulares precisam de carga extra. O engenheiro afirma que, em geral, o consumo destes equipamentos é relativamente baixo e tem pouca influência sobre o montante mensal da fatura de energia elétrica. Por exemplo, para gastar 1 kWh com um carregador de celular (potência=33W) o mesmo deverá ficar ligado consumindo energia elétrica por aproximadamente 30 horas. No entanto, se você recarregar um notebook, que a fonte tem potência aproximada de 300W, durante uma hora, o consumo total para esta recarga será de aproximadamente 0,3kWh, o que impactaria em um consumo de 1kWh em aproximadamente 3 horas. “Isso demonstra que estes equipamentos apresentam um baixo consumo de energia elétrica e baixa influência no valor da fatura de energia elétrica”, aponta.

Faturas de marco e abril serão parceladas

Para auxiliar os associados nesse momento de pandemia, a Cooperativa Pioneira de Eletrificação – COOPERA irá parcelar as faturas de energia de marco e abril em 12 vezes com entrada de 20%. Segundo o presidente Walmir Rampinelli, a decisão partiu da própria cooperativa, com a aprovação do Conselho de Administração, de acordo com o Art. 126 da Resolução Normativa n 414/2010 da ANEEL.

Redação – Débora Cândido

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Spilere Serralheria G
Dengo Produtos de Limpeza
Marka final pauta
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo