Prefeitura Capa Meio
saúde

Probióticos ajudam a emagrecer e combater outros problemas de saúde

Câmara de Vereadores

Os probióticos são microrganismos vivos que trazem muitos benefícios para nossa saúde – entre eles o fortalecimento do sistema imunológico e a melhora do ambiente do trato gastrointestinal. Depois de ingeridos, também ajudam o organismo a combater diversas doenças como a depressão, ansiedade, doenças bucais, irritações de pele, doenças cardíacas e até alguns tipos de câncer.

Além disso, esses microrganismos têm ficado cada vez mais populares devido aos vários estudos que apontam resultados positivos no processo de emagrecimento e equilíbrio do peso corporal. De acordo com um estudo publicado no British Journal of Nutrition, o consumo de probióticos colaborou de maneira positiva para que as mulheres conseguissem manter o peso perdido.

Estudos anteriores a esse já haviam verificado a diferença da flora intestinal de indivíduos obesos e de pessoas magras. Essa diferença acontece porque uma alimentação rica em gordura, porém carente de fibras, proporciona o aumento de determinadas bactérias em detrimento de outras.

Contape
Maderonchi
Spilere Serralheria
Dengo Produtos de Limpeza

Na tentativa de verificar se tomar probióticos ajudaria no equilíbrio da microbiota intestinal, os cientistas da Universidade de Laval, no Canadá, reuniram 125 homens e mulheres acima do peso e os submeteram a uma dieta com duração de 3 meses, seguida por um período igual destinado à manutenção do peso corporal.

No decorrer da pesquisa, metade dos participantes ingeriu dois comprimidos por dia com probióticos da família do Lactobacillus rhamnosus, ao mesmo tempo que a outra metade consumiu um placebo.

Logo após o período da dieta, os pesquisadores verificaram que o grupo de mulheres que tomou o probiótico perdeu uma média de 4,4 quilos, enquanto as que tomaram placebo, 2,6 quilos.

Alimentos probióticos

Os alimentos probióticos são aqueles que contêm bactérias essenciais para a saúde do nosso sistema digestivo. A falta desses microrganismos vivos em nosso organismo pode ocorrer devido a vários fatores – entre eles a má alimentação, o uso crônico de antibióticos, laxantes e também em casos de problemas intestinais. Em todos esses casos, é necessário seguir uma dieta com alimentos ricos em probióticos.

O seu consumo, no entanto, não deve ocorrer apenas até que se alcance o benefício, pois essas bactérias não colonizam o intestino, sendo necessário consumir regularmente para manter seus benefícios.

Abaixo segue uma lista de alimentos ricos em probióticos para você incluir na dieta.

Iogurte natural: feito a partir da fermentação do leite pelas bactérias Streptococcus thermophilus e Lactobacillus bulgaricus, é um dos alimentos mais ricos em probióticos no mercado.

Chucrute: muito usado no preparo de saladas e lanches, o chucrute é um tipo de repolho que traz vários benefícios para manter a saúde do intestino. Além disso, é um dos alimentos que possui mais probióticos benéficos.

Molho shoyu: muito utilizado na cozinha oriental para temperar saladas e também no preparo de alguns pratos, o molho shoyu é uma fonte rica de probióticos.

Kefir: esse alimento não é fermentado somente por lactobacilos. Sua fabricação é feita a partir da fermentação de trinta e sete tipos diferentes de microrganismos. Por esse motivo, contém uma grande quantidade de probióticos.

Leite fermentado: além de conter uma quantidade considerável de probióticos, esse alimento é uma fonte rica de proteínas e cálcio.

Coalhada: com produção semelhante a do iogurte, esse alimento também é obtido através da fermentação do leite. Além da grande quantidade de probióticos presentes, a coalhada também possui nutrientes como a proteína e o cálcio.

Queijo: fabricado a partir da coagulação do leite por meio das bactérias que transformam os açúcares em ácido láctico.

Azeitonas verdes: possuindo uma grande quantidade de probióticos, as azeitonas passam por uma fermentação natural quando ficam de molho na água salgada e podem ser consumidas por pessoas com problemas de intestino irritável.

Leite materno: o colostro do leite materno é um líquido amarelado e espesso que contém inúmeras bactérias (não patógenas) essenciais para o bom funcionamento da flora intestinal dos bebês.

Suplementos de Probióticos

Além dos alimentos, essas bactérias benéficas podem ser consumidas também na forma de suplementos em cápsulas, sachês ou líquidos, que precisam ser misturados com sucos naturais ou água.

Essa maneira de ingerir probióticos está se tornando cada vez mais popular devido aos seus benefícios e praticidade. Os mais procurados nas farmácias e lojas de produtos nutricionais são o PB8, Simcaps, Simfort, Kefir Real e Floratil.

Há vários tipos de suplementos no mercado, que podem incluir até 10 tipos diferentes de probióticos. Entre eles, os mais importantes são:

  • Bifidobacteria animalis: fortalecer o sistema imune.
  • Bifidobacteria bifidum: ajuda na digestão dos lacticínios.
  • Bifidobacteria breve: combate infecções por bactérias e fungos.
  • Bifidobacteria longum: ajuda a eliminar toxinas do organismo.
  • Lactobacillus acidophilus: auxilia na absorção de vários nutrientes.
  • Lactobacillus reuteri: importante contra a infecção por H. Pylori.
  • Lactobacillus rhamnosus: combate rapidamente casos de diarreia.
  • Lactobacillus fermentum: melhora o ambiente para o crescimento da flora intestinal.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Spilere Serralheria G
Dengo Produtos de Limpeza
Marka final pauta
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo