Segurança

Após confirmação em investigação, está foragido o autor do homicídio em Siderópolis, de um morador de Forquilhinha

A Delegacia de Polícia Civil de Siderópolis, na tarde desta segunda-feira, 18, encaminhou ao Poder Judiciário o Inquérito Policial que investigou e elucidou o homicídio do morador de Forquilhinha, D.D.H., de 24 anos, na madrugada de 7 de março de 2016.

De acordo com o agente de Polícia Civil e responsável pela Delegacia de Siderópolis, Frank Willy Vieira, as investigações concluíram que D.D.H., foi executado com um disparo de arma de fogo na cabeça, em São Pedro, na divisa entre Siderópolis e Nova Veneza. Após investigação, a autoria do crime foi atribuída à F.F., de 24 anos, natural de Criciúma e também morador de Forquilhinha.

O indiciado foi identificado como integrante de uma facção criminosa e o motivo do assassinato foi a rivalidade entre as facções, já que a vítima fazia parte de uma rival.

Contape
Net Lider
Maderonchi
Dengo Produtos de Limpeza
Banana Motos
Posto Bravo

F.F. já possui outros dois mandados de prisão expedidos pela Comarca de Forquilhinha, sendo, inclusive, um deles por homicídio.

Investigação

Assim que o cadáver foi encontrado, no dia 7 de março, policiais civis, juntamente com a perícia criminal, deslocaram-se até o local do crime.

Durante a perícia, um projétil de um segundo disparo foi encontrado penetrado no solo, e desta forma, intacto. Além disso, constatou-se também que o disparo que matou a vítima foi efetuado com a arma encostada no crânio de D.D.H.

Dois dias depois, o primo da vítima foi alvejado em uma tentativa de homicídio em Forquilhinha.

No local desse novo crime, os policiais civis encontraram também projéteis semelhantes àquele localizado na cena de Siderópolis. A perícia comprovou que as balas partiram da mesma arma de fogo, utilizada pelo indiciado F.F.

Os policiais civis também conseguiram, através de testemunhas, a identificação do autor do crime, e posteriormente, a ligação dos acontecimentos de Siderópolis e Forquilhinha. O autor do homicídio e da tentativa foi identificado como a mesma pessoa, e nos dois casos, a motivação ocorreu por conta de rixas entre facções criminosas.

Durante cinco semanas de investigações, foram efetuadas diligências em Siderópolis, Forquilhinha e de Nova Veneza, com objetivo de encontrar mais testemunhas para o caso.

Por fim, com investigações concluídas, foi solicitado ao Poder Judiciário um pedido de Prisão Preventiva do indiciado, pela prática de homicídio qualificado.

Autor dos crimes está foragido

Atualmente, o indiciado, F.F. encontra-se foragido, mas é possível auxiliar as forças policiais na sua localização através do canal de denúncias anônimas da Polícia Civil – 181.

Para tanto, basta discar de qualquer telefone fixo, ou móvel o n. 181, ocasião na qual poderão ser repassadas as informações, sem qualquer identificação por parte do colaborador.

Francine Ferreira – Fotos: Willians Biehl

2 Comentários

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Marka final pauta
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo