Cultura

A vida, a morte e o morrer são temas de evento em Criciúma

Ação organizada pelo Hospital Unimed foi realizado no Teatro Elias Angeloni.

O Hospital Unimed de Criciúma promoveu na noite de quarta-feira, dia 17, o terceiro evento organizado pela comissão multidisciplinar da instituição. Com o tema “De quem é a vida afinal? Discutindo a vida, a morte e o morrer”, o encontro foi coordenado pelo médico geriatra Álvaro Barcelos e contou com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde de Criciúma.

Além das informações sobre a importância dos cuidados paliativos, também foi realizada uma discussão com representantes da Igreja Católica, da Doutrina Espírita e da Igreja Luterana. Estiveram presentem o Padre Antônio Júnior, Dorilda Esmeraldino e o líder religioso pastor Alexandre Santos Pinheiro.

Spilere Serralheria
Maderonchi
Colinas Chocolatteria
Dengo Produtos de Limpeza
Thiago Auto Lavação
Contape

“Nós sabemos que há duas certezas na vida, a primeira é o nascer, a segunda o morrer. Por isso a importância desse debate e também de ressaltar a necessidade dos cuidados paliativos. Nesse aspecto é muito importante a relação que se cria entre médico, paciente e família”, explica o médico geriatra Álvaro Barcelos.

O evento realizado no Teatro Elias Angeloni foi voltado para profissionais de saúde e toda a comunidade. O principal objetivo foi de mostrar a importância da abordagem humanística, pautada na valorização da vida e no entendimento da morte como uma condição natural, centrada no indivíduo e na família.

A comissão multidisciplinar do Hospital Unimed Criciúma conta com médico, enfermeira, nutricionista, fisioterapeuta, psicóloga, farmacêutica, representantes das áreas administrativas e técnicas de enfermagem.

Francine Ferreira – Jéssica Pereira

SAMSUNG CSC

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Spilere Serralheria G
Marka final pauta
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo