saúde

Trabalhadores do Hospital São José podem paralisar atividades nesta sexta-feira

Sem o pagamento dos 25% restante dos seus salários programado para esta quarta-feira, 15, os mais de mil trabalhadores do Hospital São José de Criciúma, mais uma vez, podem entrar em greve na próxima sexta-feira, 17.

Coopera
Bicho Mimado
Master Cabeleireiro
Pé de Meia

No dia 6, o quinto dia útil para o repasse dos vencimentos eles receberam 75% dos salários e acordaram o depósito do restante dia 15 (hoje). Na mesma data, a direção do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Criciúma e Região (Sindisaúde), fizeram votação junto aos profissionais e eles deram um voto de confiança ao hospital aceitando esperar, no entanto o valor devido não foi depositado.

“Cobramos novamente o pagamento e eles garantiram fazer o repasse nesta quinta-feira. Caso não esteja na conta dos trabalhadores, eles param no primeiro turno da sexta”, explicou a vice-presidente do Sindisaúde, Zenair Cauduro.

A greve dos trabalhadores foi aprovada em assembleia realizada em 2016 caso os vencimentos atrasem ou não sejam depositados.

Greve no Hospital Nossa Senhora de Fátima, de Praia Grande

Os cerca de 100 trabalhadores do Hospital Nossa Senhora de Fátima de Praia Grande no extremo sul, entram em greve por tempo indeterminado nesta quinta-feira, 16. Eles não receberam os salários que deveriam ter sido pagos dia 06, quinto dia útil do mês. A direção do hospital não passou nenhuma previsão para o pagamento.

Francine Ferreira – Maristela Benedet


Populares

Topo