Prefeitura Capa Meio
Colunistas

Impasses no PP: o afastamento de Zé Ricardo e o convite ao tucano Rangel Loch

Teve convite, sim

Na semana passada, o prefeito Dimas Kammer afirmou, em coletiva de imprensa, que não havia convidado o tucano Rangel Loch – ex-candidato a vice pela oposição – para ocupar o cargo deixado na última quarta-feira pelo até então secretário de Saúde de Forquilhinha, Diego Passarela.

Já nesta quinta-feira, 7, em reunião do Partido Progressista, o prefeito confirmou aos correligionários que o convite realmente foi feito a Loch – na tentativa de levá-lo novamente para o PP ou de aproximar o PSDB do atual governo, ainda que no último pleito os tucanos tenham feito parte da chapa majoritária de oposição.

Esquentou

No momento da afirmação, nesta quinta, a reunião progressista se tornou bastante acalorada, uma vez que grande parte das lideranças do partido não concordam com o posicionamento de Kammer e afirmam que se tratou de uma decisão unilateral, sem o aval da sigla. Essas mesmas lideranças solicitaram que o prefeito reavalie a situação e leve em conta a opinião do partido, para evitar um racha ainda maior e mais profundo entre os progressistas.

Dengo Produtos de Limpeza
Maderonchi
ES Academia
Da Soler Selo
Spilere Serralheria
Contape

Uma nova reunião do PP, agendada para o próximo domingo, 10, voltará a debater o assunto.

De saída

Nesse meio tempo, depois de toda a polêmica envolvendo sua exoneração por meio de um memorando, o ex-secretário de Governo de Forquilhinha, José Ricardo Junkes, emitiu um comunicado também nesta quinta-feira, informando seu próprio afastamento do cargo de presidente do Partido Progressista pelo prazo de 30 dias.

De acordo com Junkes, a decisão foi tomada diante do impasse entre ele o prefeito, ocasionado por motivos pessoais. “Desde minha exoneração, feita por um papel, eu e o Dimas não conversamos. Tendo em vista que não tenho intimidade com o prefeito neste momento, não tenho como estar à frente do partido, então preferi sair e deixar que as coisas aconteçam”, argumentou.

Lei presidente

Até então, o posto de vice-presidente do PP forquilhinhense vinha sendo ocupado pelo ex-prefeito Vanderlei Alexandre que, com a decisão de Junkes, passa a presidir os progressistas – ao menos pelo próximo mês.

Ao PDT?

Kammer nega, mas o deputado estadual Rodrigo Minotto confirmou que o prefeito teria também oferecido a Secretaria de Saúde de Forquilhinha ao PDT, por meio de uma ligação ao parlamentar. No entanto, o deputado alega que afirmou que os pedetistas possuem projeto de lançar candidatura própria nas eleições de 2020 e que ainda estaria muito cedo para se tomar qualquer tipo de decisão, tendo em vista, também, o impasse interno entre os progressistas.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Spilere Serralheria G
Marka final pauta
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo