Prefeitura Capa Meio
Colunistas

Forquilhinha tem conceito “A” em saúde financeira e fiscal junto ao Tesouro Nacional

Câmara de Vereadores

Forquilhinha tem conceito “A” em relação a saúde financeira e fiscal junto ao Tesouro Nacional, conforme índice CAPAG

O sistema de Capacidade de Pagamento (CAPAG), do Tesouro Nacional, analisa a capacidade de pagamento e apura a situação fiscal dos estados e municípios que querem contrair novos empréstimos com garantia da União. O intuito da CAPAG é apresentar de forma simples e transparente se um novo endividamento representa risco de crédito para o Tesouro Nacional. Por outro lado, indica aos cidadãos do Estado ou município qual o grau de austeridade fiscal implementado pelos administradores públicos. A metodologia do cálculo, determinada pela Portaria MF nº 501/2017, é composta por três indicadores:

Endividamento – calculado pela relação entre dívida consolidada bruta e receita corrente líquida; Poupança corrente – busca verificar se o ente está poupando o suficiente para absorver um eventual crescimento das suas despesas correntes acima do aumento das receitas correntes e índice de liquidez – verifica se o estado ou município tem um volume de recursos em caixa suficiente para honrar as obrigações financeiras já contraídas.

A nota geral atribuída varia de “A” (melhor classificação) até “C” (pior classificação). O ente que possuir CAPAG “A” ou “B” é elegível à contratação de garantias da União em seus financiamentos e poderá acessar empréstimos com juros mais baixos. Os conceitos e variáveis utilizadas e os procedimentos para análise da CAPAG foram definidos na Portaria STN nº 882/2018.

DM Seguros
Dengo Produtos de Limpeza
Maderonchi
Contape

Na Microrregião da AMREC 7 municípios estão classificados com nota “A”, o que indica que em geral a administração pública destes municípios tem conduzido de forma austera a questão do endividamento público municipal. Forquilhinha tem nota “A”, e está na 27ª colocação a nível estadual dentre os 400 municípios e na 226ª posição a nível nacional dentre os mais de 5500 municípios brasileiros, sendo o município com a melhor colocação dente todos os municípios da região da AMREC. Este é um resultado a ser comemorado pelos cidadãos Forquilhinhenses. Para ver a situação de outros municípios, clique aqui.

Caixa lança modalidade de financiamento indexada ao IPCA

A Caixa Econômica Federal anunciou uma nova modalidade de financiamento imobiliário indexado ao IPCA (taxa de inflação) mais uma taxa de juros de 2,95 a 4,95% ao ano. Quem pretende aderir a esta nova modalidade deve estar consciente que apesar de ser vantajoso em momento de inflação baixa, pode trazer sérios problemas caso a inflação suba fortemente.

Fazendo uma comparação rápida podemos ver que os financiamentos até então eram corrigidos por uma taxa anual de juros mais a TR (Taxa Referencial), a qual está em 0% a vários meses, totalizando entre 5 a 10% ao ano, conforme a faixa salarial do mutuário.

A nova modalidade terá taxa fixa de até 4,95% ao ano e mais a inflação que atualmente está em 3,7%. Isso totaliza uma taxa entre 6,5 a 9,0% ao ano se a inflação se mantiver na casa dos 5% ao ano. Se a inflação subir por exemplo para 7% ao ano, a taxa de juros aplicada será superior a 10%. Fazendo uma análise crítica, podemos ver que atualmente seria vantajoso aderir ao novo modelo, mas como em nosso país, a inflação sempre foi um grande problema, é melhor pensar e fazer as contas muitas vezes antes de assinar o contrato.

No dia 23 de agosto foi divulgado pelo IBGE o saldo de vagas criadas com carteira assinada segundo o CAGED. Foram 43.820 novas vagas no mês de julho, totalizando 461 mil vagas geradas de janeiro a julho de 2019. Este número cresceu em torno de 3% em relação ao mesmo período do ano passado. A maior parte do desempenho positivo do mês de julho se deve à geração de empregos no setor de construção civil. Esse segmento gerou 18.721 vagas no mês. Em seguida, aparece o setor de serviços, com 8.948 novos empregos. A indústria de transformação abriu 5.391 novas vagas e o comércio gerou 4.887 vagas.

Governo sinaliza privatizações de estatais federais

O Governo Federal anunciou no dia 22 de agosto a intenção de iniciar o processo de privatização de empresas públicas. Na primeira lista estão 17 empresas, dentre elas estão os Correios, a Eletrobrás, a Casa da Moeda, a Telebrás, a Serpro e a Dataprev dentre outras. Segundo o Governo, a venda das estatais irá ajudar a equilibrar as finanças públicas com a arrecadação de cerca de 2 trilhões de reais durante o processo de privatização. É conveniente lembrar que para que ocorra este processo de privatização, o Congresso Nacional deve autorizar o Executivo a levar adiante a ideia.

A taxa SELIC foi reduzida para 6,0% ao ano na última reunião do COPOM. Segundo economistas do mercado financeiro, deve ocorrer mais quedas até o final do ano, atingindo a faixa de 5,5% ao ano. Isto implica em mais redução para a remuneração de nosso dinheiro em aplicações financeiras. A poupança por exemplo paga neste caso 70% do valor da SELIC, totalizando 4,2% ao ano ou 0,35% ao mês.

Com o acirramento da guerra comercial entre Estados Unidos e China, já são sentidos reflexos em nossa economia. O dólar bateu na casa de R$ 4,12. Pelo lado dos exportadores isso é ótimo, mas se pensarmos pelo lado dos importadores é terrível, pois será necessário mais unidades monetárias em reais para pagar as matérias-primas que compramos do exterior. Isso pode gerar inflação em alguns setores e consequentemente elevar a inflação anualizada no país.

A derrocada da economia Argentina também é muito ruim para o setor industrial brasileiro, uma vez que os “hermanos” são nossos terceiros melhores clientes, apenas atrás de China e Estados Unidos.

Outro assunto que deve render muito ainda é a questão das queimadas na Amazônia. Sem entrar no mérito da questão, o que podemos observar é que há realmente um aumento no número de queimadas, mas há também uma interferência sobre a soberania nacional por parte de países europeus, os quais podem ter no fundo outros interesses além da preservação ambiental da área.

O setor da Construção Civil começa a dar sinais de crescimento. Das vagas criadas no mês de julho, ele foi responsável por quase metade. Outro dado importante é que começa a aumentar o número de contratos de compra de imóveis nas grandes cidades e o preço, que atualmente está bom, tende a subir. Portanto, quem pretende comprar um imóvel, seja para investimento ou para moradia, pode começar a ir atrás rapidamente.

Os investimentos totais dos brasileiros pessoas físicas atingiram pela primeira vez na história a quantia de 3 trilhões de reais no final do primeiro semestre deste ano. O número é 5% maior que no mesmo período do ano passado. Isso é indicativo de que o brasileiro está aumentando seus níveis de poupança, quer seja por precaução, quer seja por educação financeira. A categoria que mais evoluiu foi a de alta renda, com crescimento de 11% no período.

Dicas de investimentos

Ainda em alta os fundos imobiliários continuam sendo boa opção para quem quer obter melhor remuneração para o seu dinheiro. Para adquirir cotas, procure nas corretoras e bancos autorizados.

BONS INVESTIMENTOS A TODOS!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Marka final pauta
Spilere Serralheria G
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo