saúde

Famosos falam abertamente de problemas e ajudam a conscientizar sobre saúde mental

O assunto saúde mental passou a ser visto com mais seriedade e preocupação por todos, pois o cenário pandêmico impacta muito nas emoções. O grande número de mortes, o medo que assola a população e a grave crise econômica são fatores que podem favorecer o desenvolvimento ou o agravamento de algum transtorno emocional.

Mas, por muito tempo, vários estigmas cercaram o tema. Alguns achavam que os transtornos mentais eram “frescura”. Também era comum ouvir quem pensava que os problemas não atingiam os ricos e bem sucedidos. Um caso que marcou época e mostrou o contrário foi o do matemático John Forbes Nash Jr., que aos 21 anos já era reconhecido por desenvolver um teorema, mas acabou atingido pelas doenças mentais e foi diagnosticado com esquizofrenia. Depois, ele chegou a conquistar o Prêmio Nobel de Economia. A história ganhou fama ao ser retratada no filme Uma Mente Brilhante.

Com o assunto em evidência, muitos famosos brasileiros estão decidindo falar abertamente sobre o tema, contando suas experiências como forma de conscientizar a população e alertar para os perigos dos transtornos emocionais. Além de levar a discussão até mais pessoas, isso também ajuda a quebrar alguns preconceitos e estimular a busca por ajuda.

Banana Motos
Star Seguros
Net Lider
Contape
Dengo Produtos de Limpeza
Maderonchi

Uma das grandes celebridades que abriu o jogo foi o cantor Gusttavo Lima. O sertanejo afirmou que sentia muita tristeza, ansiedade e insônia, e que chegou a pensar em abandonar a carreira. Durante o período da depressão, Gusttavo Lima interrompeu a agenda de shows para cuidar da saúde mental.

A apresentadora da TV Globo Ana Furtado foi atingida por outra variação da doença: a depressão pós-parto. Em entrevista à revista Crescer, ela afirmou que após o período de amamentação, passou a não se reconhecer mais e viveu momentos difíceis, mas que a situação foi resolvida com o diagnóstico correto e a ajuda médica.

O cantor Roberto Carlos sofre de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC). O cantor demorou muito tempo para falar abertamente sobre a doença, mas revelou tudo ao Fantástico em 2004. O Rei, que completou 80 anos recentemente, afirmou em entrevista ao O Globo que o seu quadro piorou com a pandemia, principalmente no que diz respeito aos rituais de higienização.

O transtorno bipolar é menos conhecido do que o TOC e a depressão. Porém, é a doença mais perigosa, pois é a que mais causa suicídios no mundo.  Rita Lee sofreu a vida toda com a doença e se disse aliviada quando teve o diagnóstico correto: “Tive a vida inteira essa situação de oscilar entre euforia e depressão. Eu sinto que aconteceram situações de estresse emocional em minha vida e não tinha orientação nenhuma. Quando o médico diagnosticou a bipolaridade, eu fiquei tranquila. Falei: “Finalmente alguém me disse o que eu sou””, disse em entrevista à revista Quem.

A atriz Cássia Kis também revelou que sofre de bipolaridade, mas que a terapia a ajuda a lidar com os obstáculos da doença. Por isso, é importante que todos procurem auxílio psicoterápico ou psiquiátrico quando perceberem qualquer sinal de algum transtorno emocional.  É possível encontrar ajuda gratuita e o tratamento pode salvar vidas.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Dengo Produtos de Limpeza
Marka final pauta
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo