Coronavírus

“Faça sua parte” é a campanha por mais distanciamento social em SC

O Governo de Santa Catarina, por meio das Secretarias de Estado da Saúde, Desenvolvimento Econômico Sustentável, Infraestrutura e Fazenda participaram como apoiadores do lançamento da campanha: “Faça sua parte”, que tem o intuito de conscientizar a sociedade sobre o crescente risco de contágio pela Covid-19 em aglomerações entre amigos ou parentes, fora do ambiente de trabalho.

A iniciativa é do Conselho das Entidades de Joinville – formado pela Associação Empresarial de Joinville (ACIJ), Associação dos Comerciantes de Material de Construção, Joinville (ACOMAC), Associação de Joinville e Região de Pequenas e Médias Empresas (AJORPEME) e Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL). A campanha foi lançada nesta segunda-feira, 17, em Joinville, na sede da Acij, com a presença dos Secretários de Estado, Rogério Siqueira, Paulo Eli, Thiago Vieira e da representante da Secretaria de Saúde, a superintendente de Planejamento e Saúde, Carmem Regina. Também estavam presentes o prefeito de Joinville, Udo Döhler, o secretário-adjunto da SDE, Ricardo Stodieck, empresários e lideranças locais.

A iniciativa tem como base um alerta da Secretaria de Saúde: um dos maiores desafios da gestão da crise sanitária tem sido evitar aglomerações fora do trabalho, em momentos de folga, em finais de semana e em feriados. A participação do Governo estadual e do prefeito Udo Döhler, além dos dirigentes das associações, reforçam a parceria entre setor produtivo e poder público na gestão da crise sanitária e econômica. A campanha terá um caráter permanente e só será encerrada quando a covid-19 deixar de representar um risco para a saúde pública.

Net Lider
Maderonchi
Contape
Posto Bravo
Dengo Produtos de Limpeza
Banana Motos

A primeira fase é um reforço das orientações de prevenção, em especial nos momentos de folga e de lazer, um dos maiores desafios das autoridades sanitárias. Com mensagens curtas e claras sobre o papel de cada um nesta batalha que está longe de terminar, segundo os especialistas, esta etapa prioriza a conscientização contra aglomerações entre amigos e parentes, que infelizmente vêm sendo registradas após o turno de trabalho ou em finais de semana e feriados.

Os depoimentos dos representantes

A superintendente de Planejamento e Saúde, Carmem Regina Delziovo, representando o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, destacou que é preciso trazer a população para esta mudança de comportamento em um momento em que o Estado está com uma taxa de 86% de ocupação dos seus leitos. “Excelente proposta que conversa com o nosso momento, que estamos chamando de fase três de enfrentamento à Covid. Fase em que vamos ampliar a mobilização da população para as medidas necessárias de enfrentamento. Precisamos trazer a população uma mudança de comportamento e precisamos incentivar essa mudança. Nosso objetivo maior é qualidade de vida, para que as pessoas não fiquem doentes”.

O secretário da Fazenda, Paulo Eli, reforçou que “ações como esta auxiliam na disseminação das informações em relação à Covid. É fundamental que todos os cidadãos estejam bem informados e possam fazer sua parte durante a pandemia”, disse.

O secretário da SDE, Rogério Siqueira, reforçou a importância do trabalho em conjunto. “Neste momento difícil, o Governo de Santa Catarina tem se empenhado em trabalhar com parcerias, pois agora é a hora de unir forças e desenvolver as medidas necessárias para o enfrentamento. As empresas têm passado dificuldades, sim, e estamos trabalhando para manter as atividades econômicas, mas não podemos esquecer que empresas são feitas de pessoas, e é preciso trabalhar em iniciativas como esta para conscientizar nossos familiares, amigos e vizinhos de que todos devem fazer a sua parte e possamos enfrentar essa pandemia”.

“A força desta campanha está na mensagem de responsabilização de cada uma das pessoas. Infelizmente está bastante claro que vamos precisar conviver com o vírus por mais tempo. Mas, temos a certeza de que, com a união de todos, cada um fazendo a sua parte, vamos superar esta pandemia que vem acabando com vidas, empregos e empresas”, destacou o presidente da ACIJ, Marco Antonio Corsini.

Para o vice-presidente da Ajorpeme, Leonardo Santana, “as empresas estão fazendo o seu papel, cumprindo com os protocolos e deixando seus funcionários trabalharem em casa e cumprindo com as obrigações que a Legislação determina. Essa campanha vai colocar a responsabilidade nas pessoas na conduta fora do ambiente de trabalho, onde tem ocorrido a maior contaminação”.

José Manoel Ramos, presidente da CDL, relatou que “está sentido na pele essa falta de cuidados. Na última sexta-feira, perdi meu sogro, vítima da Covid. Temos observado que a grande maioria vem se contaminando fora do local de trabalho, no convívio familiar com amigos. Essa campanha vem em boa hora, pois vamos conscientizar os trabalhadores, não só da indústria, mas, em especial o comércio”.

O representante da Acomac, Ivonei Arnaut, destacou que a maior parte das contaminações têm ocorrido em festas e aglomerações e a Associação está empenhada no trabalho de conscientização das pessoas.

O prefeito de Joinville, Udo Döhler, destacou que “as aglomerações acontecem dentro das residências e já estamos tomando medidas rigorosas para punir as pessoas que estimulam as aglomerações dentro das suas próprias casas”.

Redação – Mônica Foltran

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Marka final pauta
Dengo Produtos de Limpeza
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo