Alerta

Bombeiros dão dicas de como proceder em caso de queimaduras por águas-vivas e caravelas

A temperatura da água, as condições climáticas e a maré podem favorecer o aparecimento de águas-vivas e caravelas no Litoral catarinense durante a temporada de verão. Esses animais apresentam riscos às pessoas porque possuem toxinas que, em contato com a pele, provocam dores, fisgadas, sensação de queimadura e irritação.

No caso de ser tocado por um desses animais, a orientação do Corpo de Bombeiros é que seja aplicado vinagre no local do ferimento, pois ele impede que o veneno do animal siga entrando na pele da pessoa e alivia a dor.

“Jamais esfregar com a mão, passar areia ou jogar água doce porque são formas de potencializar a ação do veneno. Nos postos de guarda-vidas, sempre há garrafas de vinagre disponíveis”, explicou o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Onir Mocellin.

Dengo Produtos de Limpeza
Net Lider
Contape
Posto Bravo
Maderonchi
Banana Motos

Em caso de pessoas com alguma predisposição alérgica, o quadro do paciente pode evoluir para situações que geram espasmos de glote e até mesmo parada respiratória.

Por isso, após passar vinagre no local que teve contato com os animais, é preciso procurar um posto de saúde, porque, às vezes, é necessário fazer uma raspagem para retirar os ferrões que podem ter ficado grudados na pele.

O Corpo de Bombeiros aconselha também que as pessoas se informem nos postos de salva-vidas sobre as condições do local para o aparecimento de águas-vivas e caravelas.

Francine Ferreira – Governo de Santa Catarina

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Dengo Produtos de Limpeza
Marka final pauta
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo