Unesc Desktop
Geral

Boletim sobre situação da dengue, Chikungunya e Zika em SC revela mais de 11 mil notificações em 2015

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) informou que de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2015 foram notificados 11.263 casos de dengue em Santa Catarina. Desses, 3.605 (32%) foram confirmados (2.370 por critério laboratorial e 1.235 por clínico-epidemiológico), 6.572 (58%) foram descartados e 1.086 (10%) casos suspeitos estão em investigação.

Do total de casos confirmados, 3.276 (91%) são autóctones (transmissão dentro do Estado), 268 (7%) são importados (transmissão fora do Estado) e 61 (2%) estão em investigação para definição do local provável de transmissão (Tabelas 1 e 2).

Em relação ao boletim anterior (publicado no dia 16 de dezembro), foram confirmados mais 9 casos de dengue, 3 autóctones (com residência nos municípios de Itajaí, Bom Jesus do Oeste e Galvão), 5 importados e 1 em investigação do local provável de infecção.

Thiago Auto Lavação
Dengo Produtos de Limpeza
Contape
Colinas Chocolatteria
Spilere Serralheria
Maderonchi

Classificação

Casos

%

Confirmados

3.605

32

Autóctones

3.276

91

Importados

268

7

Em investigação

61

2

Descartados

6.572

58

Suspeitos

1.086

10

Total Notificados

11.263

100

Orientações para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti:

  • Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usar, coloque areia até a borda;
  • Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
  • Mantenha lixeiras tampadas;
  • Deixe os depósitos para guardar água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;
  • Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;
  • Trate a água da piscina com cloro e limpe uma vez por semana;
  • Mantenha ralos fechados e desentupidos;
  • Lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
  • Retire a água acumulada em lajes;
  • Dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;
  • Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;
  • Evite acumular entulho, pois podem se tornar locais de foco do mosquito da dengue.
  • Denuncie a existência de possíveis focos de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde;
  • Caso apresente sintomas de dengue, chikungunya o Zika vírus, procure uma unidade de saúde para atendimento.
Francine Ferreira – Letícia Wilson / Patrícia Pozzo

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Spilere Serralheria G
Dengo Produtos de Limpeza
Marka final pauta
Coopera Rodapé

Portal Forquilhinha Notícias. Acompanhe os fatos mais importantes de Forquilhinha em Santa Catarina assim que eles acontecem.

Copyright © 2016 Forquilhinha Notícias.

Topo