Região

Anjo Tintas divulga nota sobre incêndio em unidade industrial

Willians Biehl

Ocorrência assustou moradores próximos na noite desta terça-feira, 14.

Dengo Produtos de Limpeza
Master Cabeleireiro
Coopera
Pé de Meia

Depois do incêndio que atingiu uma unidade industrial da Anjo Tintas na noite desta terça-feira, 14, no bairro Vila Macarini, distrito de Rio Maina, em Criciúma, a empresa divulgou uma nota de esclarecimento a respeito do ocorrido.

Confira a nota, na íntegra:

“A Anjo Tintas teve um incêndio sem vítimas em uma de suas unidades na noite de ontem (14/02), aproximadamente às 20h30. O fogo destruiu parte da unidade que fabricava resinas, que são matérias-primas usadas na fabricação dos produtos automotivo e imobiliário da marca. O momento do incêndio ocorreu quando estava funcionando apenas o segundo turno. Havia somente cinco profissionais trabalhando no local quando ocorreu o sinistro e não houve nenhum problema com pessoas, que seguiram os procedimentos de segurança da empresa em casos como este, agilizando a vinda do Corpo de Bombeiros e facilitando o controle das chamas. 

A Anjo Tintas desconhece as causas desse sinistro. E durante toda a madrugada, o corpo de bombeiros e os profissionais que fazem parte da brigada de emergência da Anjo fizeram plantão para combater o incêndio e pequenos focos que poderiam surgir.

De acordo com o Diretor Presidente, Filipe R. Colombo, as vendas de todas as linhas da marca, que são automotiva, imobiliária, impressão e industrial, continuarão normalmente. “O incêndio atingiu a torre da fábrica de resinas, não afetando o processo produtivo das tintas e demais produtos de nossa linha, por isso continuaremos a vender, fabricar e entregar os produtos Anjo para o mercado”, destaca. A empresa também não consegue ainda mensurar o prejuízo.

Francine Ferreira – Fabrícia de Pelegrini / Imagens: Willians Biehl


Populares

Topo